Falta pouco

Pensei em dar continuidade à lista das 5000 coisas que odeio, simplesmente relacionando e numerando os itens. Depois, decidi que não, o melhor era por um texto pequeno antes, pois os novos (?) leitores poderiam não entender. Mais tarde, ficou claro que isso seria uma chatice, então, resolvi - peremptoriamente - não continuar tal lista. Mas aí, evidentemente, não resisti. Então, vamos lá:

11 - Pessoas que usam "peremptoriamente"
12 - Pessoas indecisas ao extremo
13 - Windows quando congela
14 - Windows quando não congela
15 - Senado federal
16 - Senhores excelentíssimos folgadíssimos senadores
17 - Gente com bafo
18 - Adesivos de carros
19 - Cabelo em comida
20 - Igreja, qualquer uma, todas elas.

Bem, este último item merece um adendo. Não só odeio essas instituições como também torço para que os senhores representantes - como o arcebispo de Olinda e Recife - que tanto mal fazem as pessoas, percebam que já saímos da Idade Média, onde a excomunhão era motivo de pânico. Hoje, para uma boa parte da população, a atrocidade verbal (pois não passa disso) usada por dom (vejam só, dom) José Cardoso Sobrinho, um senhor sem descendentes, defensor e detentor das leis divinas, como ele mesmo afirmou, é motivo de riso e ironia. Inclusive um dos médicos que "cometeu" o que predizia a lei, respondeu ao ataque com muita propriedade: "graças a deus fui excomungado". Essa frase resume bem o sentimento do que acredito serem os verdadeiros cristãos.
Coisa que não sou, mas respeito.
Sentimento esse que não nutro pelo arcebispo. E muito menos pelo chefe dele.
Não tenho medo de ser expulso pois já estou do outro lado.
Estranho.
Como é bom aqui. Quando olho para dentro é que vejo melhor aqui fora.





9 comentários:

Sheyla Amaral disse...

Uma criança foi vítima de violência sexual dos 6 aos 9 anos e tudo o que a Igreja tem a dizer é que vai excomungar quem fez ou concordou com a interrupção de uma gravidez de risco de vida? Eu não sei o que essas pessoas têm dentro do peito, pedra? Deve ser, "Pedro, tu és a pedra" blá blá blá

Beto Canales disse...

Pedro, tu és pedra! Finalmente entendi. Genial, Sheyla.

Afobório. disse...

beto esse teu blog heimmmm.
ah, e parabéns, fiquei feliz por você garoto, você merece.

sorte e luz.

Desarranjo Sintético disse...

Gostei, gostei muito, sabe, eu até gosto de listas, não gosto muito daquelas de os 100 melhores não-sei-o-que para se fazer-ver-comer-ler antes de morrer, porque os que eu vi sei que sãoimpossíveis e tem umas dicas meio retrógradas, coisas velhas até. Mas mesmo assim gosto de listas. Gostei da sua. ahahha.
Espero que não odeie aqueles que gostam de listas..ahahha.

Abraços.

Fábio.

felipe lima disse...

Continua a lista, Beto! É tão divertido (e conscientizador, ao mesmo tempo). Sobre o Dom - com dom de infernizar a vida alheia - falei discretamente, bem a meu estilo, aqui mesmo, num post mais antigo.

Até.

Beto Canales disse...

Eu lembro, Felipe. E muito bem dito, por sinal.

Luiz Gonzaga B. Jr. disse...

A igreja ainda acha que tem alguma autoridade sobre as pessoas.
A igreja acha muitas coisas...
A igreja fede!!!!!!!

Biba disse...

Cá estou, hoje sem pressa. Vim para dizer que também me arrepiam todas essas coisas. E, acho que tenho uma certa quedinha por listas!! Hehehe!!
Beijão
Carpe Diem!!

Extase disse...

Não gosto de tudo o que apareceu na tua lista.Nem vou comentar sobre aquele clerigo.....